Imprimir  

 coachs-header

 

Dicas de Negociações Para Gestores


Como gestor, a vocação em utilizar as habilidades de negociar, quando ambas partes saem ganhando, pode fazer toda a diferença no resultado bem sucedido. Da mesma forma, essa competência pode ser essencial quando tiver que influenciar seus colegas de trabalho e facilitar relações interpessoais positivas e construtivas. Abaixo, há 6 dicas sobre o que gestores devem fazer enquanto estiverem se preparando para uma negociação:

  1. Saiba o que Você Quer – Como gestor, é importante iniciar uma negociação já sabendo como você quer que o seu resultado final seja. Certifique-se de trabalhar bastante em cima dessa questão, e o porquê você quer que assim seja. Lembre-se que é importante você considere o que está em jogo tanto financeiramente, emocionalmente, fisicamente e intelectualmente. Dessa forma você saberá o que não quer que aconteça e como agir ao longo da negociação.
  2. Saiba o que a sua Contraparte Quer – A outra parte também estará preparada com um planejamento, assim que vocês derem início à negociação. Procure entender de antemão quais os resultados a outra parte pretende obter. Compreenda a resolução financeira, emocional, intelectual ou física que a contraparte procura obter ao finalizarem a negociação.
  3. Antecipe Objeções – O processo de negociação nem sempre é fácil. Enquanto gestor, você tem que entender que algumas objeções irão surgir ao longo do caminho, por parte da outra pessoa. Você tem que se preparar para enfrenta-las antecipadamente, analisando as possíveis situações. Certifique-se que você possui evidências concretas e relevante em mãos e com as quais a outra parte possa identificar e relacionar.
  4. Identifique suas Concessões – Determine seus itens não negociáveis absolutos e desejáveis e que você está disposto a dar e receber. Certamente você não irá sair de todas as negociações totalmente satisfeito. Negociações resumem-se na troca de necessidades e, enquanto gestor, você deve estar preparado para atender metade das necessidades da outra parte.
  5. Determine o Momento de se Retirar – "Quando você determinar seu "momento de se retirar", definirá o ponto em que não há necessidade de prosseguir com a negociação. Antes do início das negociações, você deve verificar o seu próprio " momento de se retirar ". Esta será a sua mais importante fonte de poder de negociação, então quando o seu " momento de se retirar " é atingido, é preciso certificar-se de que você tomará uma atitude.
  6. Treine com o Colega – Como é o caso com qualquer apresentação importante que você já fez, sempre necessita praticar. Você pode se deparar com uma discussão difícil e é sempre melhor ter a certeza que ensaiou os possíveis resultados. Ao praticar com outra pessoa irá construir maior confiança com a situação e isso irá lhe ajudar para que a negociação saia tão bem quanto o esperado.

 

 


Siga-nos online
 

 
© 2016 Dale Carnegie & Associates, Inc..
Todos os Direitos Reservados
 
.
projeto de site e desenvolvimento por Americaneagle.com